VERBO PREFERIR

 

A regência mais usada está incorreta.  Veja o que é certo.

 

Prefiro assim ...  do que assim ...

?

Não, prefiro assim a assim.

 

O verbo preferir não comporta o comparativo do que, mas sim, a.

O verbo que não pede o mais nem menos não admite do que.

 

Eu gosto mais de uma coisa do que de outra.  Mas preferir, é um verbo transitivo direto e indireto, que não comporta a expressão do que, assim como não podemos dizer prefiro mais. Pois preferir já significa gostar mais de.

Se não há lugar para o mais, também não há para do que.

 

O correto é dizer prefiro uma coisa a outra.

 

 

Ver mais AJUDA GRAMATICAL

 

..

.