.

LIVRE-SE DO CIGARRO

.

 

 

A MAIOR CAUSA DE MORTES DO PLANETA

 

10 razões para ficar longe dos fumantes

Se você fuma:

1. Seu paladar vai diminuindo gradativamente, e os alimentos tornam-se menos saborosos;

2. você fica com um mau cheiro, que você não percebe, mas é desagradável para os que não fumam, que são, cada vez mais, a grande maioria;

3. com o sistema nervoso intoxicado, suas emoções se tornam mais fracas, seus orgasmos são cada vez menos intensos, gerando a frigidez na mulher e a impotência no homem (o endurecimento das artérias diminui a irrigação sangüínea dificultando a ereção);

4. você pensa que o cigarro lhe traz prazer, mas se engana: é que você passa a sentir-se mal quando lhe falta a droga, porém o prazer que você sente ao fumar é menor do que aquele que sentiria se nunca tivesse fumado;

5. você não raciocina bem sem um cigarro na boca, mas teria mais facilidade de raciocinar se nunca se tivesse viciado;

6. seu sistema imunológico vai se debilitando paulatinamente, e você fica vulnerável aos ataques de vírus e bactérias antes incapazes de penetrar no seu organismo;

7. os componentes do cigarro geram muitos radicais livres, que causam grandes danos às suas células, trazendo o envelhecimento precoce;

8. as leis antitabágicas criam cada vez mais obstáculos à sua liberdade de fumar e afetam até o âmbito profissional: ser fumante já conta pontos negativos na hora de concorrer a um bom emprego, em muitas empresas.

9. se você não fuma mas fica junto dos fumantes, você inala os venenos da fumaça do cigarro e fica sujeito a esses desastrosos efeitos;

10. as indústrias do tabaco passaram ao mundo a idéia de que fumar é elegante, mas hoje já prevalece a reputação de coisa feia e repugnante.

Ao final, ao invés de levar vantagem em tudo quando fuma, você só terá perdido em quantidade e qualidade de vida.

"Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), registrados pelo Ministério da Saúde no ano passado" (1995), "dão conta de que o cigarro causa mais mortes prematuras que a soma das mortes causadas por Aids, Coca, Heroína, álcool, incêndios, acidentes de automóveis e suicídios" (Jornal Pampulha, 16 a 22/11/96, pág. 7). Ademais é o cigarro que prepara o seu organismo para usar as chamadas drogas pesadas.

Tomar uma decisão inteligente é ficar o mais distante possível dos cigarros e outras drogas.

"Abstinência total à droga é fundamental, porque temos uma espécie de memória biológica no cérebro que registra o uso da droga." (Psiquiatra Mário Biscaia, em Querida, maio/98, pág. 20).

Conheça as comprovações científicas dessas informações e muito mais e saiba como proceder para se livrar do hediondo vício, lendo Livre-se do Cigarro.

 

Í N D I C E

Os efeitos do cigarro
Os componentes do cigarro
Em um ambiente poluído
Os efeitos mais perceptíveis
O recurso dos fracos
Enfraquecimento dos músculos
Os efeitos sobre a visão
Maior sensibilidade à radiação atômica
O cigarro é radioativo
A capacidade mental
Porta para vários inimigos
A impotência sexual
A família fumante
Pior que o álcool
Quem fuma mais
As mulheres e o cigarro
O cigarro e a criminalidade
A expectativa de vida
Os efeitos sobre a posteridade
O cigarro e as religiões
A droga das drogas
Crime contra a saúde pública
Dias difíceis virão
Como se vicia
O marketing da morte
O combate ao vício no Brasil
Uma péssima opção
O que fazer para abandonar o vício
Cuidado com o que você bebe
Cuidado ao comer
As vitaminas adicionais ajudam
O efeito da água
As panacéias podem decepcionar
A importância da regularidade
A fé
O último conselho
Os dez mandamentos
Só terá benefícios com o abandono do vício

Capítulo do livro

A IMPOTÊNCIA SEXUAL

De um modo geral, podemos afirmar que os venenos contidos no cigarro atingem, em maior ou menor grau, todas as funções do corpo humano. A potência sexual não escapa dos danos ocasionados pelo nefasto vício. Os efeitos inibidores das funções cerebrais atuam no sentido de diminuir todas as energias vitais, inclusive essa. Como o cérebro é o comandante dos sentidos, o seu embotamento pelos componentes do fumo e a falta de oxigênio faz com que todos os sentidos se tornem mais fracos.

Recentemente se constatou que o cigarro é a maior causa de impotência sexual que se conhece.

"Quem fuma corre risco de ficar impotente. A conclusão é do Dr. Carlos Manuel de Carvalho, pneumologista, professor de Biometria na Universidade Estadual do Rio, publicada no Jornal Brasileiro de Medicina.

Com base em publicações internacionais ele informou que uma pesquisa feita num grupo de impotentes revelou 8l% de fumantes... Segundo o pneumologista, a causa do fenômeno é a menor pressão sangüínea na região do pênis que afeta os fumantes prejudicando a ereção. Há também estudos que sugerem que os fumantes produzem menor número de espermatozóides por efeito da nicotina." (Vida Integral, maio de 1992, pág. 18).

Outro documento sobre o assunto também informa o seguinte: "Estudos comprovam que o cigarro promove até a diminuição da potência sexual masculina, já que a nicotina acaba por entupir as veias que levam o sangue ao pênis." (Estado de Minas, 5 de março de 1995, pág. 10

Quer adquirir o livro?

Compre no

CLUBE DOS AUTORES

Ver todos os livros

..