O DEUS BÁRBARO DOS JUDEUS E CRISTÃOS


"Disse Moisés aos seus soldados: “Agora, pois, matai todos os meninos entre as crianças, e todas as mulheres que conheceram homem, deitando-se com ele. Mas todas as meninas, que não conheceram homem, deitando-se com ele, deixai-as viver para vós.” (Números 31:17)


"Disse o Senhor a Josué: Não os temas, pois amanhã a esta hora eu os entregarei todos mortos diante de Israel. Cortarás os tendões dos pés dos seus cavalos, e os seus carros queimarás a fogo." (Josué, 11:6).


"Não, irmãos meus, não façais semelhante mal; já que este homem entrou em minha casa, não façais essa loucura. Aqui estão a minha filha virgem e a concubina do homem; fá-las-ei sair; humilhai-as a elas, e fazei delas o que parecer bem aos vossos olhos; porém a este homem não façais tal loucura.” (Juízes, 19: 23, 24).

 

Pergunta: Por que um deus que dizem ser perfeito, justo e bom ordenou tanta barbaridade com humanos e até com animais, e um homem ofereceu a concubina e a própria filha para serem abusadas sexualmente em defesa de outro homem?
 

A resposta é simples: porque esse deus procedeu do pensamento de um povo bárbaro que dava à mulher tanto valor quanto aos animais domésticos.
 

 

Ver mais DIVINDADES INÚTEIS

 

..

.